(62) 99402-8419

Correio Popular

Notícias, vídeos e podcasts

Mais 3 mil CNHs estão esquecidas no Vapt Vupt do Detran

Um dos motivos do esquecimento das habilitações é a adesão à Carteira Digital de Trânsito (Foto: Divulgação)
Um dos motivos do esquecimento das habilitações é a adesão à Carteira Digital de Trânsito (Foto: Divulgação)

O atendimento do Departamento Estadual de Trânsito de Goiás está abarrotado de Carteiras Nacional de Habilitação (CNHs) que foram esquecidas pelos solicitantes. São condutores que pediram a segunda via, CNH definitiva, Permissão Internacional para Dirigir (PID), alteração de dados ou renovaram o documento e não buscaram o documento.

Só no atendimento da sede da autarquia estão cerca de três mil CNHs. O presidente do Detran-GO, Delegado Waldir, explica que o número de documentos esquecidos é ainda maior.

“Enfrentamos o mesmo problema em todas as unidades – Ciretrans e Vapt Vupt”, pontua.

CNHS DIGITAL

Um dos principais motivos do “esquecimento” das habilitações no atendimento é a crescente adesão à Carteira Digital de Trânsito. Com o aplicativo, o condutor que faz a renovação, por exemplo, tem o documento atualizado automaticamente mesmo antes da impressão.

Delegado Waldir alerta que ainda é temerário desprezar o documento físico.

“A tecnologia traz inúmeras vantagens. Porém, se der algum problema e o motorista precisar reinstalar o aplicativo, poderá precisar do código de segurança ou QR code do documento físico para baixar a CNH novamente”.

Por mês, o Detran-GO emite cerca de 70 mil CNHs. Dessas mais de 50 mil são referentes à renovação, CNH definitiva, e segunda via e alteração de dados. Como a CNH, por força legal, é um documento de guarda permanente, o Detran-GO não pode fazer o descarte. Com isso, há uma sobrecarga nos arquivos físicos das unidades.

Para buscar o documento, não é necessário agendar. Basta procurar a unidade indicada no momento da solicitação, com um documento pessoal. O horário de funcionamento da sede do Detran-GO é das 8 às 17 horas.

Editado por Kattia Barreto via Departamento Estadual de Trânsito (Detran) – Governo de Goiás

Facebook
Twitter
LinkedIn
WhatsApp